terça-feira, 31 de maio de 2016

Artrodese da Coluna Vertebral



Segundo a wikipédia:
“Artrodese, também conhecida como anquilose artificial, é uma indução artificial da ossificação de uma articulação entre dois ossos através de cirurgia. O procedimento é realizado para aliviar dor intratável em uma articulação que não pode ser manejada com medicamentos ou outros tratamentos normalmente indicados.”

Para esclarecer, anquilose significa FUSÃO, e a artrodese é então uma fusão artificial de uma articulação, feita através de uma cirurgia. Tem várias técnicas, assim como pode ser feita em qualquer vértebra e local da coluna (cervical, dorsal e lombar), assim como pode ser por via anterior (pela frente) ou via posterior (pelas costas), tudo depende do problema apresentado.

enxerto osseo

No lugar da articulação é colocado um enxerto ósseo, geralmente retirado da bacia do próprio paciente.




Essa prótese dá estabilidade e fixação a essas 2 ou mais vértebras que estão envolvidas em algum tipo de doença da coluna vertebral, causando dor.

parafuso

E para garantir a fusão óssea completa é geralmente feita uma fixação com placa de titânio  e parafusos entre as vértebras.





A artrodese é indicada em alguns casos de espondilolistese, discopatias, degeneração discal, deslizamento de vértebras, hérnia-de-disco, traumas, dependendo sempre de cada caso, e se tem algum envolvimento neurológico.

O procedimento limita o movimento da coluna vertebral nas vértebras envolvidas, criando uma ponte óssea entre elas, a qual se funde totalmente em alguns meses.

A cirurgia envolve riscos como qualquer outra, e neste caso, principalmente de envolvimento neurológico.

A grande maioria dos pacientes se recupera muito bem, mas podem existir casos de problemas após a artrodese, podendo haver recidiva da deformidade nas vértebras adjacentes às fixadas.

A recuperação é um pouco demorada, depende do paciente, e pode ser dolorosa durante alguns dias. Faz-se o uso de coletes e colares ortopédicos, e de repouso pós-operatório.

A fisioterapia é muito importante para diminuir as dores e restaurar as funções da articulação afetada, além de alongamentos e instruções quanto à postura e limitações.

A MINHA CIRURGIA reflete quase tudo o que está esplanado acima, e pode ser visto mais detalhes, bem como vídeos de cirurgias , em VÍDEOS e em IMAGENS.



sexta-feira, 20 de maio de 2016

As Curvaturas Normais da Coluna Vertebral


Sabiam que nossa coluna não é reta? (senão não poderíamos ficar de pé... é a lei da física), ela precisa ter esse formato que parecem 2 "S" para que nosso corpo seja sustentado, assim me explicou meu médico, especialista em coluna vertebral.
Por isso quando olhamos nosso RX da coluna de lado ela tem esse formato que é natural, e cada uma dessas "curvaturas normais" tem um nome, conforme desenho acima.
Certa vez minha mãe foi buscar e me mostrar um RX de coluna dela e estava preocupadíssima, disse que a coluna dela estava cheia de curvas e que isso era um problema gravíssimo... rsrsrsrs, coitada, eram só as curvaturas normais e, como ela, acredito que muitas pessoas possam ter essa dúvida e é bom esclarecer.

Sobre os desvios (doenças) na coluna vertebral já fiz um post, vale a pena ler:







LinkWithin

Related Posts with Thumbnails